Sintomas persistentes de cotovelo de tenista têm pouco valor prognóstico: uma revisão sistemática e meta-análise

Revisão realizada por Dr Val Jones info

PONTOS CHAVE

  1. 90% dos utentes que não receberam tratamento ativo para epicondilite lateral do cotovelo recuperaram completamente ou melhoraram muito em 1 ano.
Todos os pontos-chave disponíveis apenas para membros

INTRODUÇÃO E OBJETIVOS

A epicondilite lateral do cotovelo ou cotovelo de tenista é uma condição dolorosa comum que limita a função do membro superior (1). Em casos de longa duração, a cirurgia pode ser recomendada se os sintomas persistirem apesar do tratamento não cirúrgico, pois presume-se que a condição continue a não melhorar com o tempo. No entanto, essa suposição pode não ser verdadeira. A análise dos resultados dos grupos de controlo dos estudos de cotovelo de tenista que não receberam tratamento pode ajudar a mostrar a história natural desta condição.

O objetivo desta revisão sistemática foi descrever a evoluçãode indivíduos com epicondilite lateral do cotovelo que não receberam tratamento ativo (placebo ou nenhum tratamento) em ensaios clínicos randomizados publicados.

A epicondilite lateral do cotovelo é uma condição dolorosa comum que limita a função do membro superior.
bulb
Até 90% das pessoas com epicondilite lateral do cotovelo recuperaram completamente ou melhoraram muito em um ano.

MÉTODOS

  • Três bases de dados eletrônicos (MEDLINE, Embase e CENTRA) foram pesquisadas para seleção dos ensaios controlados randomizados, observando os efeitos do tratamento na dor e incapacidade de epicondilite lateral do cotovelo.
Para desbloqueares o acesso total a esta Revisão e 260 mais