Hiperalgesia induzida por stress em vez de analgesia em utentes com dor musculoesquelética crônica

Revisão realizada por Dr Sandy Hilton info

PONTOS CHAVE

  1. Um stressor agudo leva a maior relato de dor naqueles com dor musculoesquelética crônica em comparação com os controlos.
Todos os pontos-chave disponíveis apenas para membros

INTRODUÇÃO E OBJETIVOS

A analgesia induzida por stress (SIA) refere-se a um aumento do limiar de dor, aumento da tolerância à dor e aumento dos limiares do reflexo de retirada nociceptiva em resposta à estimulação dolorosa. Estudos demonstraram que a SIA responde a vários estressores físicos em humanos, juntamente com aumento dos limiares de dor e aumento da tolerância à dor, mas diminuição das classificações de dor supralimiar para estimulação mecânica.

Os autores projetaram este estudo para explorar os efeitos hipoalgésicos em controlos em comparação com utentes com dor musculoesquelética crônica. Eles analisaram o efeito do stress cognitivo na dor.

Os objetivos eram:

  1. Identificar se a SIA reduziu em pacientes com dor musculoesquelética crônica com um stressor puramente cognitivo.

  2. Identificar se a SIA reduziu em utentes com dor mais generalizada com esse stressor cognitivo

A analgesia induzida por stress refere-se a um aumento do limiar da dor, aumento da tolerância à dor e aumento dos limiares do reflexo de retirada nociceptiva em resposta à estimulação dolorosa.
bulb
Menos stress pode resultar em maior tolerância geral, mesmo para a dor.

MÉTODOS

Grupo 1: N=22 (15 mulheres, 7 homens) com dor musculoesquelética localizada ou generalizada nas costas por mais de três meses e episódio atual de conjunto de dor por mais de quatro semanas antes do experimento.

Para desbloqueares o acesso total a esta Revisão e 248 mais